Blog

Do cheiro à embalagem a pesquisa sensorial na produção de cosméticosA análise sensorial exerce um papel imprescindível para a indústria dos cosméticos. Não existem outros instrumentos de pesquisa que sejam tão eficientes a ponto de substituir os sentidos humanos na avaliação da aceitação dos produtos de higiene e beleza.

As vantagens apresentadas pela pesquisa sensorial permitem identificar a presença ou ausência de diferenças sensoriais perceptíveis, assim como mensurar o quanto os avaliadores (consumidores) que participam da pesquisa gostam ou não de um determinado produto. A partir da análise sensorial é possível destacar algumas importantes características sensoriais de um produto e ainda identificar particularidades.

As diferenças sensoriais dos produtos cosméticos existem desde a matéria prima utilizada até a embalagem. Por isso, entender quais sensações e sentidos podem ser explorados é um grande passo na otimização de uma marca deste seguimento.

Três dos sentidos humanos têm uma importância muito grande para a indústria dos cosméticos. O primeiro deles é o olfato que é o sentido de resposta mais rápida do ser humano, já que as mensagens olfativas vão diretamente do nariz para o cérebro. Além disso, é um sentido que está diretamente ligado à memória e sentimentos. Por isso, exerce uma função muito importante para os produtos de beleza.

O segundo é a visão, que é o sentido mais explorado até mesmo em produtos de categoria diferente por ser o primeiro contato sensorial da pessoa com o produto. Sua importância está muito relacionada ao processo de compra, ou seja, a embalagem que chama a atenção do consumidor, tamanho e cor dos produtos etc.

Já o tato é responsável pelas sensações causadas pelo toque através da pele e também do cabelo. Exerce grande importância para a indústria dos cosméticos, pois grande parte dos produtos cosméticos são aplicados sobre a pele ou através do cabelo. Um erro de avaliação sensorial pode causar um imenso problema para a marca.

Os outros sentidos possuem importância menor com relação aos três citados acima. Olfato, visão e tato exercem uma importante influência nas relações dos consumidores com os cosméticos.  A pesquisa sensorial tem a função de estreitar a ligação entre produção e a sensação causada no consumidor, podendo ser um diferencial de sucesso para a indústria de produtos para cuidados pessoais.

Comentários ( 0 )

    Deixe um Comentário

    Seu endereço de e-mail não será publicado. Necessita selecionar opção. *